segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Tudo o que me faltou dizer, sobre eu e você...

Eu estava quieta no meu canto nem sabia da sua existência e meu coração pertencia a um outro alguém.
Então você apareceu, invadiu meu mundo me prometendo tudo, me fez acreditar… Enquanto o tempo passava, fui lhe conhecendo, se apegando, me envolvendo, tudo era muito bom pra ser verdade, eu que nunca havia sequer chegado perto desta tal felicidade estava distribuindo sorrisos sinceros mas eu nem te conhecia e mal sabia a mentira que você era.
Eu acreditei em suas palavras, me senti amada, me senti mais viva, hoje me pergunto como pude ser tão tola a ponto de me envolver com alguém como você, manipulador, mentiroso, orgulhoso, egoísta, desumilde, convencido enfim você é o tipo de “homem” que toda mulher deve evitar, se faz de bom moço, paga de coitado, finge sentimentos, ilude, engana, maltrata, pinta e borda com sentimentos alheios, não se importa com ninguém além de você mesmo.
Sabe eu gostava mesmo de você, muito aliás. Eu tentei , juro que tentei de todas as formas te fazer feliz, suprir seus desejos mas, isso se torna algo impossível quando a pessoa não esta disposta a abrir mão de conceitos antigos, de velhos hábitos e sentimentos… Eu lutei por nós dois afinal você se deu por vencido talvez se houvesse se empenhado mais em fazer dar certo as coisas haveriam sido melhores pra nós.
Eu me revolto apenas por ter perdido meu tempo ao seu lado, por ter me doado tanto, por ter lhe dado tanto sentimento e carinho e não ter recebido nem um terço em contra partida, me arrependo de ter feito de você meu mundo, ter abdicado de momentos e amizades para ficar ao seu lado e você não ter tido consideração alguma com meus sentimentos.
Você foi frio, grosso, estúpido me tratou como um nada, um estorvo… Não parou pra pensar que enquanto estávamos juntos tudo o que fiz foi pensando em você e que quando não estávamos bem eu sempre tentava ajeitar as coisas… Nos cinco meses que passamos eu engoli tantos sapos sabe, fiz tudo calada porque ai de mim se desse um piu… Você se aproveitou do que eu sentia por você para fazer de mim o que quisesse, me desrespeitou e maltratou inúmeras vezes e ainda assim eu continuei ao seu lado… Você era importante demais pra mim, quando tudo acabou eu chorei, chorei muito por muitos dias seguidos mas ainda assim não acreditava que fosse realmente um ponto final, me afastei por um tempo mas não aguentei ficar longe tempo o bastante para lhe esquecer por isso voltei e propus uma amizade, assim eu poderia te ter por perto mesmo que não fosse de fato meu mas, você me expulsou da sua vida, me mandou cair fora, vazar, te esquecer, você me fez se sentir mal mais uma vez mas ainda assim meu coração insistia em bater por você.
Sei que não será fácil deixar que um sentimento assim tão intenso suma de vez, talvez eu ainda te procure algumas vezes mas vai passar eu sei que vai, um dia vai e quando este dia chegar você vai se arrepender de todas as lágrimas que me fez derrubar.
Eu me surpreendo com a sua capacidade de me magoar afinal você dizia ser tão loucamente apaixonado por uma pessoa que não lhe correspondia e isto lhe causava dor me pergunto como pode alguém que passou por isso fazer o mesmo com outro alguém?
Bem não te entendo e isto talvez nunca aconteça mas, de coração espero que seja feliz mas bem longe de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse. Este espaço é todo seu!
Obrigado pela visita e volte mais vezes.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...