quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Mais uma carta dentre tantas outras que jamais lhe serão entregues

Deposito aqui aquelas palavras que nunca serão ditas, que fazem parte das cartas que nunca lhe foram entregues e que jamais serão.
Eu confiei em você, me entreguei de corpo e alma, eu te amei e ainda amo de uma forma inexplicável.
Eu chorei por você, te esperei e ainda espero com o peito carregado de amor e uma esperança que nunca havia me pertencido.
Eu passei noites acordada pensando numa forma pra te conquistar.
Deixei de lado meus sonhos porque eles não se encaixavam nos seus.
Eu deixei de lado medos e receios e me permiti viver como nunca antes havia vivido.
Eu me doei, me desesperei, me magoei e mesmo assim me mantive ao seu lado em todas as circunstâncias, não lhe deixei faltar nada e o que recebi de você foi apenas desprezo e desrespeito, pior é que ainda assim continuo te amando da mesma forma intensa que sempre amei.
Você foi embora, sumiu do meu campo de visão, me deixou pra trás para ir em busca de aventura e encontrou no meio do caminho o grande amor da sua vida, estou feliz por você mas também estou muito triste por mim, por ainda sentir meu coração pulsar e gritar seu nome enquanto cada partícula do meu corpo sente falta do teu toque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse. Este espaço é todo seu!
Obrigado pela visita e volte mais vezes.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...